Atividades Regulares

 Domingo

8h – Reunião de Oração

9h – E. B. D (Escola Bíblica Dominical)

10h30 – Culto Matinal

19h – Culto Noturno

 Terça-feira

19h30 – Culto de Oração

 Quinta-feira

19h30 – Estudos Bíblicos

 Sábados ímpares

19h30 – Culto da Juventude

 Sábados pares

20h – Encontro dos casais

Login

Quem está Online

Temos 5 visitantes e Nenhum membro online

“Nossa responsabilidade: passar o bastão”

“Nossa responsabilidade: passar o bastão”

“Estes, pois, são os mandamentos, os estatutos e os juízos que mandou o SENHOR, teu Deus, se te ensinassem, para que os cumprisses na terra a que passas para a possuir; para que temas ao SENHOR, teu Deus, e guardes todos os seus estatutos e mandamentos que eu te ordeno, tu, e teu filho, e o filho de teu filho, todos os dias da tua vida; e que teus dias sejam prolongados.” Deuteronômios 6:1,2

O revezamento 4 x 100 metros rasos é uma modalidade olímpica de atletismo. Com uma prova constituída por quatro percursos iguais de 100 metros, percorridos por uma equipe de quatro atletas alternadamente, carregando um bastão que deve ser passado entre eles, correndo na mesma raia, completado uma volta inteira em uma pista de 400 metros.

A nossa vida conjugal e familiar é semelhante a uma corrida de revezamento. Somos uma equipe que corre para vencer e ser campeã. Precisamos passar o bastão. O bastão não pode ficar com o primeiro, ele precisa correr percurso que lhe está designado e passar para o próximo corredor. No texto sagrado, Deus através de Moisés orienta como povo de Israel pode passar o bastão para frente. Vejamos, pois, alguns desses alguns bastões:

O bastão do conhecimento e prática “... que mandou o SENHOR... te ensinassem, para que os cumprisses...” Deuteronômios 6:1. Aqui temos um bastão importante para passar adiante, conhecimento e prática. Do ponto de vista de Deus, esse ensinamento é muito importante. Ouvimos por ai “faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”. Tiago diz: E sede cumpridores da palavra, e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos” Tiago 1: 22. Seguramos esse bastão quando na prática não perdoamos a quem nos ofendeu, quando alguém liga e falamos que não estamos, quando aceitamos o troco a mais em um estabelecimento.

O bastão do temor do Senhorpara que temas ao SENHOR...” Deuteronômios 6:2a. Temer a Deus no hebraico é mais do que simplesmente respeito e reverência. Temer a Deus é intimidade e relacionamento com Ele. Isto é visto na vida de Jó, por ele temer ao Senhor é que se afastava do Mal. Temer ao Senhor nos levará a um relacionamento de obediência e observância dos seus mandamentos “guardes todos os seus estatutos e mandamentos que eu te ordeno” Deuteronômios 6:2a. Seguramos e não passamos o bastão do temor quando vivemos uma viva como se Deus não existisse e não tivéssemos que dá satisfação a Ele.

O bastão das geraçõesguardes todos os seus estatutos e mandamentos que eu te ordeno, tu, e teu filho, e o filho de teu filho...” Deuteronômios 6:2b. Passar de maneira estratégica e inteligente, conforme descrito nos versos 6-9 “Estas palavras …estarão no teu coração; tu as inculcarás a teus filhos, … falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-teas atarás como sinal na tua mão, e te serão por frontal entre os olhos. E as escreverás nos umbrais de tua casa e nas tuas portas.”. Hoje, nós podemos passar esse bastão de forma inteligente e sábia, usando os meio eletrônicos e áudios visuais e com muita criatividade.

O bastão da fé “Estes, pois, são os mandamentos, os estatutos e os juízos que mandou o SENHOR ” Deuteronômios 6:1a. Senhor aqui é Iavé, aquele que é, e que sempre será. O Deus de Abrão, Isaque e Jacó, o Deus pessoal. É o Deus que com mão forte livrou Israel da mão de faraó, por isso: “guarda-te, para que não esqueças o SENHOR, que te tirou da terra do Egito, da casa da servidão. O SENHOR, teu Deus, temerás, a ele servirás e, pelo seu nome, jurarás. Não seguirás outros deuses, nenhum dos deuses dos povos que houver à roda de ti,” Deuteronômios 6:12-14

Levar e passar esses bastões no revezamento da corrida da vida conjugal e familiar, correndo a distância proposta para cada participante, cada um cumprindo o seu papel e compromisso à luz da palavra de Deus, chegará de forma vitoriosa cultuando ao único SENHOR. Amando-o de todo coração, com toda a alma e com toda a força, como encontramos emDeuteronômios 6: 4,5 “Ouve, Israel, o SENHOR, nosso Deus, é o único SENHOR. Amarás, pois, o SENHOR, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de toda a tua força.”.

Na semelhança de uma corrida de revezamento 4x100 rasos ou 4x100 estafetas, onde quatro atletas fazem parte de uma mesma equipe e um vai passando o bastão para o seguinte, é nossa a responsabilidade passar para a próxima geração o bastão da fé, para que tenhamos uma geração abençoada, “Aleluia! Bem-aventurado o homem que teme ao SENHOR e se compraz nos seus mandamentos. A sua descendência será poderosa na terra; será abençoada a geração dos justos. Na sua casa há prosperidade e riqueza, e a sua justiça permanece para sempre. Ao justo, nasce luz nas trevas; ele é benigno, misericordioso e justo.” Salmo 112:1-4. Amém.

Pr José Pereira Mota Filho